A prevista chuva para Mato Grosso do Sul amenizou o calorão dos últimos dias. Nesta segunda-feira (20), regiões podem registrar tempestades acompanhadas de raios, rajadas de vento e queda de granizo.

Conforme o Cemtec (Centro de Monitoramento do Tempo e do Clima), as instabilidades são causadas pelo intenso fluxo de calor e umidade vindo da Amazônia, alidada a atuação de uma frente fria oceânica. Também há atuação de uma área de baixa pressão atmosférica sob o Paraguai e deslocamento de cavados favorecem a formação de nuvens e chuvas no Estado.

Os termômetros em Campo Grande amanheceram com mínima de 23°C e devem chegar a 31°C ao longo do dia. Em Dourados, o dia será de muitas nuvens e pancadas de chuvas isoladas, com variação de 23 a 30°C.

Três Lagoas, região do bolsão, pode ficar abafada ao longo do dia, apesar de previsão de chuva, a mínima é de 24°C e máxima de 36°C. Já na região norte, em Coxim, a mínima será de 24°C e máxima de 35°C.

No Pantanal, a tendência é de chuva ainda no período da manhã, com trovoadas isoladas. As temperaturas variam de 23 a 37°C. No sudoeste, em Porto Murtinho, os valores continuam altos, de 22°C a máxima de 40°C. Ponta Porã amanheceu com mínima de 21°C e pode chegar a 29°C.

Fumaça

Apesar da mudança no tempo, que está de forma geral mais fresco, diversas regiões amanheceram encobertas por formação de nuvens e por fumaça de incêndios do Pantanal e Amazonas. As imagens de satélite do Zoom Earth mostram os ventos soprando do norte ao leste do Estado.