Cotidiano

Prefeito confirma volta 100% presencial das aulas na rede municipal de ensino de Campo Grande

No segundo semestre de 2021, estudantes da Reme voltaram de forma escalonada, depois de 1 ano e cinco meses de ensino virtual

Mayara Bueno Publicado em 04/01/2022, às 11h08 - Atualizado às 11h33

Prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad, nesta terça-feira (4)
Prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad, nesta terça-feira (4) - (Foto: Marcos Ermínio, Jornal Midiamax)

As aulas da Reme (Rede Municipal de Educação) voltarão em 2022 de forma 100% presencial, disse o prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad (PSD), nesta terça-feira (4). Ele já tinha dito que o ano letivo começaria com os alunos em sala de aula todos os dias da semana, sem escalonamento, mas, a confirmação agora vem em momento mais próximo ao início das atividades escolares e aumento de casos de Covid-19.

"Com todas as movimentações das secretarias, não apenas Educação. Mas uma comunicação direta, próxima, entre Segurança, com a ronda escolar, com a Sisep, com a iluminação, e Agetran, com a sinalização e placas, além da Semadur, com a limpeza de matagais".

Antes da afirmação, Marquinhos tinha listado medidas necessárias de cada secretaria, para que o retorno dos alunos seja seguro. Também confirmou que uniformes e materiais escolares serão entregues no primeiro dia de aula — cuja data ainda não foi divulgada. 

Os estudantes da Reme estão sem aula 100% presencial desde março de 2020, quando a pandemia de Covid-19 'chegou' a Campo Grande. Em agosto de 2021, no entanto, eles voltaram de forma escalonada, ou seja, a cada semana, uma turma ia para as dependências físicas, enquanto outras permaneciam com estudos de casa. 

A retomada 100% presencial é prevista em período que também houve aumento de casos confirmados da doença, porém, também com a autorização para vacinação de crianças de cinco a 11 anos

Jornal Midiamax