Auxílio Brasil de R$ 400: fila mais que dobra em 1 mês em Mato Grosso do Sul

No último levantamento, 84.624 pessoas esperavam na fila do Auxílio Brasil em Mato Grosso do Sul
| 14/07/2022
- 07:36
auxílio brasil
Benefício Auxílio Brasil substitui o Bolsa Família (Foto: Nathalia Alcântara/Midiamax)

O número de pessoas na fila esperando para ter acesso ao programa de distribuição de renda , antigo Bolsa Família, mais que dobrou de março para abril, segundo estudo divulgado pela CNM (Confederação Nacional de Municípios).

Atualmente, a ajuda para as pessoas que recebem o benefício está em R$ 400 e deve ser reajustado para R$ 600 no mês de agosto, conforme prevê a PEC dos Benefícios, aprovada nesta quarta-feira (13) pelo Congresso Nacional.

No mês de abril de 2022, último levantamento, 84.624 pessoas esperavam na fila, o que representa 49.528 pessoas a mais que em março de 2022, que ficou em 35.096.

O número vem aumentando desde janeiro de 2022, quando o número ficou em 15.532. Já em fevereiro 31.183 pessoas esperavam para serem incluídas no programa. O levantamento da CNM também aponta as famílias que esperam na fila. Em abril, 41.266 famílias aguardavam, mais que o dobro de março, quando 18.106 famílias estavam na fila.

Regiões com mais demanda

Considerando uma abordagem por região, em números absolutos, Sudeste (981 milhões de famílias) e Nordeste (963 milhões de famílias) continuam sendo as regiões com maior demanda reprimida; no entanto, Norte e Centro-Oeste têm apresentado o maior crescimento.

Na região Norte, a demanda reprimida de março para abril cresceu 232%, e na região Centro-Oeste esse crescimento foi de 139%.

Quem tem direito?

Para se candidatar ao Programa, é necessário que a família esteja inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal e tenha atualizado seus dados cadastrais nos últimos 2 anos.
Podem participar do Programa as famílias em situação de pobreza ou extrema pobreza que tenham, em sua composição, gestantes, nutrizes (mães que amamentam), crianças, adolescentes e jovens entre 0 e 21 anos incompletos.

As famílias extremamente pobres são aquelas que têm renda familiar per capita mensal igual ou inferior a R$ 105,00 (cento e cinco reais). As famílias pobres são aquelas que têm renda familiar per capita de R$ 100,01 (cem reais e um centavo) a R$ 200,00 (duzentos reais).

Como saber se vou receber o Auxílio Brasil?

  • Para saber se vai receber o Auxílio , o primeiro passo é baixar o aplicativo "Auxílio Brasil" (disponível em lojas de aplicativos para celular tanto para 'iOS' quanto para 'Android').
  • Depois, abra o aplicativo e clique em 'procurar' na tela inicial.
  • Em seguida, digite o número do seu CPF, senha e clique em 'verificar elegibilidade'.

Veja também

O dólar teria registrado alta significativa nos negócios desta sexta-feira, 19, não fossem os ingressos...

Últimas notícias