Campo Grande atualiza portal e autuações poderão ser acompanhadas de forma online

| 02/08/2022
- 18:39
Campo Grande atualiza portal e autuações poderão ser acompanhadas de forma online

Com o objetivo de facilitar e agilizar o acesso aos serviços de trânsito à população de Campo Grande, a Prefeitura Municipal lançou na tarde desta terça-feira (2) a modernização do portal Agetran + Digital. Foi apresentado um pacote de novos serviços que, aliados à tecnologia, vão permitir que os munícipes façam  consulta e acompanhem de forma online, por exemplo, a revisão de autos de infração sem a necessidade de comparecer pessoalmente à .

A atualização do portal também torna possível a emissão da Credencial de Estacionamento para , possibilitando aos munícipes habilitados de Campo Grande emitir o documento pela internet, de qualquer lugar. 

“Através da Agetran + Digital, Campo Grande é a primeira cidade a nível nacional que lança o cartão do idoso com dados da Senatran [Secretaria Nacional de Trânsito] de forma digital e online”, explicou o diretor-presidente da Agetran, Janine Bruno. 

A plataforma foi desenvolvida pela Agência Municipal de Tecnologia da Informação e Inovação. O diretor-presidente da Agetec, Paulo Fernando destacou os diferenciais da ferramenta.

“A ideia é otimizar a gestão dos atendimentos prestados pela equipe técnica da Agetran para facilitar e garantir a população, através da tecnologia, mais celeridade e desburocratização dos fluxos de trabalho”, explicou Paulo Fernando.

Através da Agetran + Digital a população poderá utilizar os serviços públicos relacionados aos procedimentos de Defesa de Autuação e Penalidade das infrações de trânsito. Na aba + Recurso, os motoristas poderão protocolar de forma eletrônica a documentação para o recurso de Defesa Prévia e 1ª Instância – JARI.

“Com essa plataforma, as pessoas não precisarão mais vir até a Agetran protocolar recursos. Na Agetran + Digital, os munícipes terão uma série de serviços dentro da plataforma. Um deles é o recurso de infração de multa, que pode ser feito através do notebook ou celular, de qualquer lugar. Isso facilita muito a vida dos motoristas da Capital”, finalizou Janine de Lima.

Veja também

Números do CCZ mostram a quantidade de exames positivos para a leishmaniose na Capital, que pode ser ainda maior

Últimas notícias