Cotidiano

Após servidores testarem positivo para Covid-19, Amhasf terá atendimento limitado

Os moradores que precisarem imprimir boletos podem acessar o site da Agência

Karina Campos Publicado em 13/01/2022, às 11h05

None
(Foto: Reprodução/Arquivo)

A Amhasf (Agência Municipal de Habitação e Assuntos Fundiários) informou que a partir desta quinta-feira (13) o atendimento será limitado em 100 senhas diárias, após servidores da pasta testarem positivo para Covid-19. A medida de segurança para evitar a proliferação do vírus segue até o fim do mês de janeiro.

Em nota, a agência comunicou que serão distribuídas 100 senhas no período da manhã e 100 para atendimento à noite. “A medida visa proteger tanto os funcionários quanto à população diante do aumento dos casos de coronavírus ocorrido nas últimas semanas. Por isso, recomendamos que busquem primeiro o atendimento via telefone (67) 3314-3900”.

Os moradores que precisam imprimir boletos podem acessar o site www.campogrande.ms.gov.br/amhasf.

Reclamação por aglomeração

Na segunda-feira (10), moradores lotaram a sede da Amhasf para tentar pagar o boleto de parcelamento habitacional. O prazo para pagamento, que venceria na data, acabou gerando maior tempo de espera e tumulto no local.

A Amhasf esclareceu que devido ao grande fluxo de emissões de boletos próximos às datas de vencimento, ocorreu um atraso no envio das informações para o sistema informatizado. Vale ressaltar que a agência informa que o contribuinte tem mais três dias para pagar com desconto após a data do vencimento.

Jornal Midiamax