Cotidiano

União e Prefeitura de Bonito assinam contrato comercial da Gruta do Lago Azul

A SPU (Secretaria do Patrimônio da União) autorizou na sexta-feira (19) a cessão onerosa da Gruta do Lago Azul ao município de Bonito, a 296 quilômetros de Campo Grande. A exploração do patrimônio público terá o repasse de 20% do faturamento. O município deve repassar a união o valor mínimo anual de R$ 33.995,88, divididos […]

Karina Campos Publicado em 20/02/2021, às 08h17 - Atualizado às 15h14

 (Foto: Arquivo Midiamax))
(Foto: Arquivo Midiamax)) - (Foto: Arquivo Midiamax))

A SPU (Secretaria do Patrimônio da União) autorizou na sexta-feira (19) a cessão onerosa da Gruta do Lago Azul ao município de Bonito, a 296 quilômetros de Campo Grande. A exploração do patrimônio público terá o repasse de 20% do faturamento.

O município deve repassar a união o valor mínimo anual de R$ 33.995,88, divididos em parcelas mensais, pelo uso privativo e exploração econômica do local.

“Agora entramos numa próxima etapa que é a preparação do atrativo para abertura nos próximos dias. Na terça-feira vamos estudar a data de abertura da Gruta para divulgarmos a todos”, disse a secretária de turismo, indústria e comércio, Juliane Ferreira Salvadori, a assinatura da cessão onerosa é uma vitória para a população.

Na sexta-feira, o Imasul (Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul) autorizou o uso da trilha de acesso à Gruta do Lago Azul no perímetro da unidade de conservação estadual. A portaria foi publicada no DOE (Diário Oficial Eletrônico).

Jornal Midiamax