Cotidiano

Prefeitura prorroga toque de recolher às 23h até o fim de julho em Campo Grande

Executivo municipal publicou edição extra do diogrande

Fábio Oruê Publicado em 16/07/2021, às 20h13

Está proibida a circulação de pessoas após às 23h
Está proibida a circulação de pessoas após às 23h - Foto: Divulgação/ GCM

Em edição extra do Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande), na noite desta sexta-feira (16), a prefeitura prorrogou o toque de recolher às 23h até o fim de julho. A Capital havia 'afrouxado' a medida há duas semanas por conta da situação epidemiológica da pandemia.

De acordo com a publicação, assinada pelo prefeito Marquinhos Trad (PSD), fica prorrogado até 31 de julho o horário do toque de recolher às 23h com térmico às 5h do dia seguinte. 

Com determinação, os estabelecimentos e atividades devem observar as regras de biossegurança, para evitarem penalidades. Postos de combustíveis, farmácias e serviços de saúde poderão funcionar, seguindo as determinações do alvará de funcionamento. O delivery, coleta de resíduos e ações de enfrentamento à Covid-19 também funcionam.

O transporte público segue limitado a 70% da sua capacidade e caberá ao Consórcio Guaicurus disponibilizar o mesmo quantitativo de frota operacional que era usada antes. A Agetran (Agência Municipal de Transporte e Transito) ficará responsável pela fiscalização. 

Entre as justificativas para o toque de recolher mais brando está o avanço na campanha de vacinação contra a Covid-19 e a ampliação dos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) na Capital, que passou de 116 para 352. Como consequência, levando a queda nos índices de ocupação.

Jornal Midiamax