A prefeitura de , a 312 quilômetros de Campo Grande, lançou, nesta sexta-feira (29), o ‘vacinômetro' para contabilizar moradores já foram vacinados contra desde as primeiras doses aplicadas no grupo prioritário, da e AstraZeneca.

Conforme o município, no portal é possível ter acesso ao nome das pessoas imunizadas, número de doses recebidas, legislação, notícias e licitações de combate a doença na cidade. Além disso, a ferramenta também apresenta informações do boletim epidemiológico, estatística e dicas de prevenção.

A SES (Secretaria Estadual de Saúde), informou que também deve lançar a ferramenta de monitoramento até o fim de semana. O portal ainda está na fase de testes, e por conta da polêmica de ‘fura filas', o objetivo é dar mais transparência no processo de ção do grupo prioritário no Estado. Com a ferramenta, os moradores poderão acompanhar a situação de imunização em cada município.

Nesta primeira versão do sistema, o painel apontará as metas estabelecidas pelo Ministério da Saúde e as doses aplicadas pelos municípios. De acordo com coordenador de Tecnologia da SES, Marcos Espíndola de Freitas, as cidades estão enviados as informações por planilhas.

Já na segunda versão, que está em construção e que pode estar disponível na próxima semana, o acesso as informações terá conexão com os dados operacionais nacional, onde será possível ver o nome de quem se vacinou, qual dose e a data da vacinação, tudo em tempo real.