Cotidiano

Prefeitura de Campo Grande divulga processo seletivo para contratação de intérprete de libras para a Reme

Edital pretende selecionar profissionais para integrarem o cadastro de reserva para a Rede Municipal de Ensino

Renata Barros Publicado em 16/09/2021, às 11h01

None
Foto: Divulgação/Prefeitura Municipal

A Prefeitura de Campo Grande publicou, no Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande), o edital nº 118 do processo seletivo simplificado para contratação de tradutor e intérprete de Língua Brasileira de Sinais/Libras - língua portuguesa, nas escolas da Reme (Rede Municipal de Ensino).

O edital tem por objetivo a fixação dos requisitos, normas e procedimentos para selecionar profissionais para integrarem o cadastro de reserva referente às vagas oferecidas pela Reme. Somente poderão se inscrever no presente processo profissionais sem vínculo efetivo com a Rede, no período em que for atuar.

As inscrições têm início na terça-feira (21) e se encerram no dia seguinte, quarta-feira (22). Para se inscrever, o candidato deverá acessar este link, preencher a ficha de inscrição e anexar os documentos digitalizados, em formato PDF, arquivo com, no máximo, 10 mb, frente e verso, quando necessário.

O profissional designado para a função de tradutor e intérprete oferecerá, em caráter complementar e suplementar ao currículo, apoio pedagógico especializado, por meio de metodologias que atendam às necessidades específicas dos alunos com surdez, público-alvo de atuação desse profissional, matriculados em classes de ensino comum das escolas.

Entre as atribuições do intérprete, estão: acompanhar os alunos com surdez, na sala de aula e nos espaços físicos das unidades de ensino, com vistas a viabilizar-lhes o acesso aos conhecimentos, aos conteúdos curriculares, sob a orientação do professor regente, por meio da adequação das atividades didático-pedagógicas, assegurando-lhes o direito linguístico, além da disponibilização de recursos de acessibilidade ao público que atender no período de trabalho.

O intérprete também terá que promover a interação e a integração do aluno na sala de aula, nos diferentes espaços da unidade de ensino e em eventos externos promovidos pela escola e pela Divisão de Educação Especial/DEE/SEMED, quando lhe for solicitada a presença; organizar as estratégias e os recursos para a elaboração do Plano Educacional Individualizado, conforme Lei nº 13.146/2015, com base no planejamento do professor regente, em consonância ao referencial curricular previsto para o ano letivo do aluno, em conjunto e de acordo com orientação do professor regente.

Jornal Midiamax