Posto de saúde do Batistão pode ter certificação para realizar estudos com vacinas

A USF (Unidade de Saúde da Família) do Jardim Batistão recebeu visita técnica da Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) para iniciar os trâmites de certificação para realizar estudos com vacinas. Com a certificação, a unidade pode participar de pesquisas para desenvolvimentos de vacinas contra doenças variadas.  Durante a visita, a equipe orientou os servidores sobre as […]
| 19/01/2021
- 13:37
Posto de saúde do Batistão pode ter certificação para realizar estudos com vacinas
Foto: Divulgação/Sesau - Foto: Divulgação/Sesau

A USF (Unidade de Saúde da Família) do Jardim Batistão recebeu visita técnica da (Fundação Oswaldo Cruz) para iniciar os trâmites de certificação para realizar estudos com vacinas. Com a certificação, a unidade pode participar de pesquisas para desenvolvimentos de vacinas contra doenças variadas. 

Durante a visita, a equipe orientou os servidores sobre as estruturas que serão necessárias para as pesquisas com vacinas que possam vir a acontecer na unidade e fez medições em alguns dos cômodos que serão utilizados. Foram vistoriados também a sala de vacinas e de procedimentos da unidade, para que possam ser realizadas as coletas de material para exame e aplicações de doses em estudo.

“Com essa certificação, que deve sair em algumas semanas, essa unidade poderá participar de pesquisas para desenvolvimento de vacinas, como a da dengue, por exemplo, e de testes de imunizantes já utilizados na rede, que poderão proteger contra outras doenças, como o que está acontecendo com a BCG que tenta investigar a eficácia dela contra o coronavírus”, explica o secretário municipal de Saúde, José Mauro Filho. 

Para o titular da pasta, a realização de pesquisas no município de Campo Grande é de suma importância, visto que assim evidencia o incentivo a novos estudos em saúde. 

(com informações da Sesau)

Veja também

Há 10 voos previstos para chegada e 8 partidas

Últimas notícias