As obras de duplicação e pavimentação do trecho final da rua Francisco Pereira Coutinho começam nesta semana em Campo Grande. O trecho corresponde a 2,6 km, da avenida Lino Villacha até a avenida Marquês de Herval. A obra irá facilitar o acesso ao Hospital São Julião e, para os moradores do Jardim Anache, é uma alternativa de acesso ao centro da cidade.

Conforme informações da Prefeitura de Campo Grande, a última etapa da obra começa na rotatória com a avenida Zulmira Borba e vai até se encontrar com o trecho já asfaltado na confluência com a Gualter Barbosa. O prolongamento da Francisco Pereira Coutinho cria outra alternativa de acesso ao centro da cidade para quem mora na parte mais alta do Jardim Anache. No fluxo oposto, facilita o deslocamento até o Hospital São Julião e ao projeto social Cidade dos Meninos.

Estão em andamento os últimos 600 metros de duplicação da Francisco Pereira Coutinho, que agora passa a ter 1,3 km com duas pistas, além da rotatória nos cruzamentos com a Zulmira Borba e a Marquês de Herval. Neste ponto, na conversão à direita, se conecta com o corredor do Nova Lima, por onde se chega a MS-010 (saída para Rochedinho) e ao macroanel rodoviário (saída para Rochedo e Indubrasil) e com a Rua Martin Afonso, que leva aos bairros Oscar Salazar, José Tavares e Vida Nova.

Além da duplicação da Francisco Pereira Coutinho, estão sendo asfaltadas as transversais (entre a Avenida Zulmira Borba e a Gualter Barbosa), Rua dos Pracinhas, John Kennedi, Jorge  Mascarenhas, Professora Antônia Capilé  e Alcebíades Barbosa. 

(com informações da Sisep)