Cotidiano

Ministério Público irá investigar festas em Bonito durante a pandemia

Festas clandestinas em Bonito, cidade a 297 quilômetros de Campo Grande, viraram alvo do MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul), informou o órgão em nota nesta segunda-feira (29). A MPMS refere-se ao desrespeito de jovens ao Decreto Estadual nº 15.638, de 24 de março de 2021, que impõe medidas restritivas visando ao combate […]

Diego Alves Publicado em 29/03/2021, às 22h43 - Atualizado em 30/03/2021, às 10h20

None

Festas clandestinas em Bonito, cidade a 297 quilômetros de Campo Grande, viraram alvo do MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul), informou o órgão em nota nesta segunda-feira (29).

A MPMS refere-se ao desrespeito de jovens ao Decreto Estadual nº 15.638, de 24 de março de 2021, que impõe medidas restritivas visando ao combate à pandemia.

Festa de aniversário clandestina com churrasco, música eletrônica e DJ, foi realizada nesse fim de semana, e inclusive postada nas redes sociais de influenciadores digitais, desrespeitando todas as regras do decreto em vigência no Estado.

A Polícia Militar, a Vigilância Sanitária e a Guarda Municipal estiveram no local e deram fim à aglomeração. A 2ª Promotoria de Justiça instaurou uma Notícia de Fato e já deu início às investigações. A imprensa local e moradores contribuíram com informações, por meio de denúncias, fotografias, vídeos e os nomes das cerca de 50 pessoas que estavam no recinto.

“Não é possível que estas pessoas não tenham respeito ou empatia pelo que está acontecendo. Estamos batendo recorde em número de mortes no Estado”, disse o Promotor de Justiça Alexandre Estuqui Junior.

Jornal Midiamax