Morreu no fim da manhã desta terça-feira (30) o jornalista Armandinho Anache, aos 60 anos. O profissional do rádio foi vítima de um infarto fulminante ocorrido enquanto ele se recuperava da .

Armandinho estava internado no CTI (Centro de Terapia Intensiva) do hospital da Cassems em desde o dia 25 de março. Morador de Aquidauana e proprietário de rádio na cidade, o jornalista teve o primeiro atendimento em Aquidauana e depois foi transferido.

O jornalista formou-se em Jornalismo na PUC-Rio. Foi editor-chefe da Rádio de Recife e, no final dos anos 80, veio para Corumbá (MS), onde assumiu a Rádio Clube. Na cidade branca, também foi vereador. No final da década de 90, ele se mudou para Aquidauana, onde assumiu a Rádio Independente, de sua propriedade e ainda criou o site de notícias News.

Em nota, o Sindjor-MS (Sindicato dos Jornalistas de Mato Grosso do Sul) lamentou a morte de mais um jornalista do Estado. Na noite desta segunda-feira (29), outro jornalista faleceu em razão do coronavírus. Denilson Pinto, que atuava em Campo Grande, morreu aos 53 anos.