Cotidiano

Falta de cadastro prévio atrasa vacinação no Guanandizão e mães reclamam de fila

Sesau orienta registro prévio no site disponibilizado para que atendimento seja mais rápido

Ranziel Oliveira Publicado em 06/06/2021, às 12h04

Vacinação no Guanandizão
Vacinação no Guanandizão - (Foto: Marcos Ermínio / Jornal Midiamax)

Público-alvo da campanha de vacinação contra a Covid-19 neste domingo (6), em Campo Grande, lactantes relataram demora na espera para conseguir atendimento e imunização, o que ocasionou a formação de longa fila. Nesta data, apenas esse grupo prioritário recebe doses de imunizante Guanandizão, em Campo Grande.

A reportagem esteve mais cedo no local e conversou com várias mulheres, que compareceram ao ginásio com os filhos, uma vez que os bebês ainda estão em fase de amamentação. Algumas delas relataram emoção por conseguirem a aplicação de dose do imunizante.

Porém, muitas delas também reclamaram da demora. Uma delas foi a empresaria Josiane Bernardo da Silva, de 35 anos, que já aguarda na fila há cerca de 1h30m. “É uma falta de respeito concentrar esse grupo em um lugar só, é muita gente. Aglomeração, demora, a maioria está com criança pequena e no sol. Quem deixou os filhos em casa e amamentam, como que fica?", pontua.

Para dona de casa Daiane Souza, de 36 anos, o tamanho da fila fez com que ela desiste da imunização no período da manhã. “Cheguei e a fila estava bem cheia, várias mães reclamando. Teria que ser drive Thru, tem muita mãe com bebê de colo. Eu estou amamentando", comenta.

Falta de cadastro é responsável por atraso

Ao Jornal Midiamax, a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) reconheceu que há demora, porém, que a vacinação tem fluxo aceitável e segue dentro do previsto, considerando que o Guanandizão é o único ponto de imunização deste domingo. Todavia, a secretaria atribuiu a fomação de fila à falta de cadastro prévio, necessário para garantir a aplicação da vacina.

"Toda a demanda está concentrada no local e é uma alta demanda. Todavia, o fluxo de atendimento é adequado e flui, mas poderia ser bem mais ágil se as pessoas fizessem o cadastro prévio. Este é o principal fator que impede mais celeridade na fila", traz nota da Sesau enviada à reportagem.
A Sesau faz apelo para que aqueles que forem procurar imunização, independente do público-alvo, não deixem de efetuar previamente o cadastro, que deve ser feito no site http://vacina.campogrande.ms.gov.br/. A secretaria também disponibiliza os telefones (67) 3314-9955 e (67) 2020-2170 para tira-dúvidas.
De acordo com a pasta, cada paciente que comparece aos locais de vacinação sem cadastro prévio faz com que o atendimento aumente de 5 minutos para 15 ou 20 minutos. "É preciso fazer o cadastro de todos os dados do paciente e isso é o que mais contribui para a formação de filas, infelizmente", conclui a Sesau.
Para receber a imunização neste domingo, é necessária apresentação da certidão de nascimento do filho ou filha - que deve ter até dois anos incompletos - na hora de se vacinar. O Guanandizão concentra todo o atendimento neste domingo (6), com portões abertos até 17h - sem pausa para almoço. O acesso ao ginásio é pela Travessa Touro.

WhatsApp: fale com os jornalistas do Midiamax

O leitor enviou as imagens ao WhatsApp do Jornal Midiamax no número (67) 99207-4330. O canal de comunicação serve para os leitores falarem com os jornalistas. Flagrantes inusitados, denúncias, reclamações e sugestões podem ser enviados com total sigilo garantido pela lei.

Jornal Midiamax