Cotidiano

Em MS, 1,7 mil beneficiários devem agendar perícia no INSS até esta sexta para não perder auxílio

Beneficiários devem realizar perícia no INSS para continuar recebendo auxílio-doença

Gabriel Maymone Publicado em 19/11/2021, às 07h39

Perícia do INSS
Perícia do INSS - Divulgação

Beneficiários do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) têm até esta sexta-feira (19) para agendar revisão da perícia médica e evitar perder o auxílio por incapacidade temporária (antigo auxílio-doença). O órgão informou que, até o dia 11 de novembro, apenas 137 perícias das 1.727 convocadas haviam sido feitas.

Esses beneficiários foram identificados no pente-fino do INSS. A relação completa dos convocados pode ser consultada no Diário Oficial da União NESTE LINK.

Dessa forma, quem não agendar até esta sexta-feira a revisão poderá ter o benefício suspenso. Durante esta semana, o movimento estava tranquilo nas unidades do INSS em Campo Grande.

Como agendar a revisão da perícia do INSS?

Quem encontrou o nome na lista pode agendar pelo próprio site do INSS (www.meu.inss.gov.br) e aplicativo Meu INSS, ou por meio de contato telefônico com a Central de teleatendimento, ligando para o número 135, que funciona de segunda a sábado, das 7h às 22h.

Como é a perícia?

Ao comparecer na data agendada para a perícia, o segurado do INSS deve apresentar documentos pessoais e toda a documentação médica como laudos com CID, atestados, receitas e exames recentes.

A revisão pode ser realizada em qualquer unidade do INSS, pois não está condicionada à agência que mantém o pagamento do benefício.

Jornal Midiamax