Cotidiano

Delegacias abrem neste feriado? Confira escala de atendimento da Polícia Civil em MS

Recomendação é que boletim de ocorrência seja feito de maneira digital

Renata Barros Publicado em 08/10/2021, às 10h41

DEPACs vão funcionar em regime de plantão
DEPACs vão funcionar em regime de plantão - Foto: Henrique Arakaki/Midiamax

Por conta do feriado prolongado, todas as repartições públicas ligadas ao Poder Executivo Estadual estão com o horário diferenciado de sexta (8) a terça-feira (12). Os serviços emergenciais serão mantidos em regime de plantão.

O feriado do Dia do Servidor Público foi antecipado para esta sexta-feira (8); na segunda-feira (11), é celebrada a Criação do Estado de Mato Grosso do Sul; e na terça-feira (12), o Dia de Nossa Senhora Aparecida.

A DGPC (Delegacia Geral da Polícia Civil) e as delegacias de área e as especializadas estarão sem atendimento ao público entre os dias 8 e 12 de outubro, devendo retomar as atividades na quarta-feira (13).

Já as DEPACs (Delegacias de Pronto Atendimento), estão funcionando normalmente, com atendimento 24 horas, em regime de plantão.

A Polícia Civil recomenda que certas ocorrências, como por exemplo, furtos simples, extravio e desaparecimento de pessoas sejam registradas de forma online, pelo site da Polícia Civil.

Outros serviços estaduais estarão com atendimento diferenciado neste feriadão. Confira:

Detran-MS e Sefaz

As agências do Detran-MS e agências fazendárias estarão fechadas durante os dias do feriado. O atendimento em todo Estado volta ao normal na quarta-feira (13). As emissões de guias para pagamentos podem ser realizadas pelo portal Meu Detran e pelo site da Sefaz (Secretaria de Estado de Fazenda).

Rede Fácil e Casa do Trabalhador

As Unidades de Atendimento da Rede Fácil: Guaicurus, Aero Rancho, Bosque dos Ipês e General Osório, Funtrab/MS e unidades da Casa do Trabalhador também permanecerão fechadas entre os dias 8 e 12 de outubro. O atendimento ao público será normalizado na quarta-feira (13).

Saúde e segurança pública

Já os serviços essenciais, que não possam ser paralisados ou interrompidos, como saúde e segurança pública, serão mantidos por escalas de serviço ou de plantão.

Jornal Midiamax