Cotidiano

Corpo de bispo será removido para a Catedral de Dourados

Na programação que está sendo preparada pela Igreja Católica de Dourados em homenagem a Dom Redovino, estão previstas cinco missas

Marcos Morandi Publicado em 26/10/2021, às 12h10

Dom Redovino estava com câncer e morreu na tarde do dia 6 de novembro de 2016
Dom Redovino estava com câncer e morreu na tarde do dia 6 de novembro de 2016 - Rádio Coração/Reprodução

Após mais de cinco anos, os restos mortais de Dom Redovino Rizzardo, que foi bispo da diocese de Dourados, será transferido para a Catedral Nossa Senhora da Conceição. Dom Redovino, como era conhecido, faleceu em 2016.

O ritual de transferência está programado para o próximo dia 6 de novembro. Atualmente, Dom Redovino está sepultado no cemitério municipal de Dourados e será removido para uma cripta na Catedral, onde já estão os restos mortais de Dom Teodardo Leitz.

Na programação que está sendo preparada pela Igreja Católica de Dourados, com o apoio dos fiéis, estão previstas cinco missas para o dia. As celebrações acontecem às 8h, depois às 10h, 11h30, 15h e a última às 19h.

Dom Redovino Rizzardo estava com câncer e morreu na tarde do dia 6 de novembro de 2016. Ele nasceu em 12 de abril de 1939, em Bento Gonçalves (RS), e foi ordenado bispo de Dourados no dia 23 de março de 2001.

Jornal Midiamax