Cotidiano

Conhece familiares do Silvinho? No Imol há 2 semanas, corpo pode ser enterrado como indigente

Amiga de Silvinho pede ajuda para conseguir encontrar família do rapaz

Mariane Chianezi Publicado em 19/11/2021, às 15h57

None

Silvio Pereira Rocha, conhecido como ‘Silvinho’, foi assassinado a facadas no dia 2 de novembro e, desde então, o corpo do homem segue no Imol (Instituto de Medicina e Odontologia Legal) de Campo Grande. Amiga, Solange Duarte pede ajuda para encontrar algum familiar de Silvinho e evitar que ele seja enterrado como indigente. 

Solange explica que Silvinho tinha problemas pessoais e lutava contra o vício das drogas. Ela diz que foi sempre amiga de Silvio e procurava ajudá-lo em vida, antes do crime em que ele foi vítima. Caso nenhum familiar apareça para identificar o corpo, ele poderá ser enterrado sem identificação.

"Sou amiga dele e pretendo dar um enterro digno a ele. Por isso procuro seus familiares. O nome de sua mãe é Olinda Pereira Rocha, quem souber e puder me ajudar a encontrar", pede a moradora.

Quem conhecer algum familiar de Silvinho pode entrar em contato com Solange no (67) 98415 8993 ou (67) 99244 5491. 

Jornal Midiamax