Cotidiano

'Condenada', árvore pode cair em três casas e preocupa moradora em Campo Grande

"Fiscal disse que ela não vai aguentar o vento deste sábado, só com esse ventinho de hoje, o chão trincou mais", disse a moradora

João Ramos Publicado em 23/10/2021, às 16h32

"Nos ajudem, estamos pedindo antes de acontecer a tragédia", declarou leitora do Midiamax
"Nos ajudem, estamos pedindo antes de acontecer a tragédia", declarou leitora do Midiamax - (Foto: Fala Povo/Leitor Midiamax)

Moradora do bairro Tiradentes, Fabiana está em estado de desespero. Na esquina da rua de sua casa, na rua Antônio Marquês, uma árvore de mais de 20 metros teve a raiz desprendida do chão, durante o temporal do dia 15 de outubro.

Mais de uma semana depois, a árvore está prestes a cair. Os bombeiros foram chamados até o local e orientaram as famílias a não ficarem em casa, dizendo que o risco é muito grande.

"Mas falaram que não poderiam cortar ela na hora, porque a prioreidade deles são as árvores que já caíram. Eles dizem que há 180 árvores caídas, eu questionei dizendo que teria que ser ao contrário a prioridade: no caso dessa árvore aqui, ainda dá para salvar três casas. As que já caíram, já estão caídas. Não tem muito o que fazer, além da retirada", disse ela ao Jornal Midiamax.

Sem sucesso, Fabiana conta que foi orientada a solicitar o serviço de remoção novamente, já ligou neste sábado (23) quando os ventos começaram, mas não obteve retorno. "Na segunda, fomos na Semadur, a fiscal veio, condenou a árvore e solicitou emergência. Ligamos na quinta após a visita dela e eles disseram que não tem previsão para cortar, mesmo depois da visita da fiscal, porque a preferência são as árvores já caídas", lamenta a mulher.

"São 3 famílias prestes a perder muito, a minha será a mais prejudicada. Nos ajudem, estamos pedindo antes de acontecer a tragédia. A fiscal disse que ela não vai aguentar o vento de hoje, só com esse ventinho, o chão trincou mais", conta desesperada.

A casa de Fabiana e outras três residências que estão em risco pelo perigo de tombamento da árvore ficam na rua Antônio Marquês, número 381, bairro Tiradentes.

Semadur condenou a árvore que pode cair a qualquer momento, mas ninguém se prontifica a fazer a remoção e evitar uma tragédia (Foto: Fala Povo)

Fala Povo: o WhatsApp do Jornal Midiamax

As imagens foram enviadas ao Fala Povo, o WhatsApp do Jornal Midiamax, no número (67) 99207-4330. O canal de comunicação serve para os leitores falarem com os jornalistas.

Flagrantes inusitados, denúncias, reclamações e sugestões podem ser enviados com total sigilo garantido pela lei.

Jornal Midiamax