Cotidiano

Com nível de 12%, estoque de sangue O- entra em estado de emergência no Hemosul

O Hemosul (Hemocentro Coordenador de Mato Grosso do Sul) emitiu um alerta, nesta terça-feira (2), informando que o estoque de bolsas do tipo sanguíneo O- está em estado de emergência. Conforme o comunicado, o nível do tipo universal está em apenas 12% para atender a demanda do Estado. Os tipos O+, A- e A+ encontram-se […]

Karina Campos Publicado em 02/02/2021, às 16h39

(Foto: Divulgação/ Hemosul)
(Foto: Divulgação/ Hemosul) - (Foto: Divulgação/ Hemosul)

O Hemosul (Hemocentro Coordenador de Mato Grosso do Sul) emitiu um alerta, nesta terça-feira (2), informando que o estoque de bolsas do tipo sanguíneo O- está em estado de emergência.

Conforme o comunicado, o nível do tipo universal está em apenas 12% para atender a demanda do Estado. Os tipos O+, A- e A+ encontram-se em situação mediana, mas também necessitam de reposição.

A Santa Casa de Campo Grande também está em estado de alerta pela falta de doação de sangue. Conforme o hospital, os níveis do banco de sangue estão em estado crítico, causando à suspensão de algumas cirurgias. A situação estava preocupante desde o mês de novembro, mas ficou mais grave há cerca de duas semanas quando as intervenções cirúrgicas começaram a ser adiadas por falta de sangue.

Como doar?

Para doar, é preciso ter em mãos documento oficial com foto, se alimentar bem antes de doar, possuir mais de 55 quilos, ter idade entre 16 e 69 anos, entre outros critérios. Mais informações podem ser conferidas no site.

Vale lembrar que o Hemosul permite ao doador se programar para fazer a doação. Os agendamentos são válidos para a semana e podem ser feitos pelos telefones (67) 3312-1516, (67) 3312-1529 e (67) 99298-6316. A unidade fica na Avenida Fernando Correa da Costa, n° 1304 no Centro de Campo Grande.

Jornal Midiamax