Cotidiano

Campo Grande registra 82 quedas de árvores e mais de 55 bairros ficaram sem energia

Comerciantes se preocupam e já projetam prejuízo pelo dia ‘perdido’

Gabriel Neves e Ranziel Oliveira Publicado em 14/10/2021, às 14h41

Tempestade derrubou mais de 82 árvores em Campo Grande
Tempestade derrubou mais de 82 árvores em Campo Grande - (Foto: Arquivo/Midiamax)

As chuvas registradas na manhã desta quinta-feira (14) causaram estragos em todo o Mato Grosso do Sul, incluindo Campo Grande. No momento, diversos bairros da Capital ainda se encontram sem energia, em muitos casos, por conta da queda de árvores.

De acordo com o coordenador de Defesa Civil de Mato Grosso do Sul, Fábio Santos, foram registradas 82 ocorrências de quedas de árvores em Campo Grande, sendo 50 já atendidas. A Energisa, concessionária de energia elétrica no Estado, explica que esse é um dos principais motivos da queda de energia em mais de 55 bairros.

Na Vila Glória, as horas sem energia já começam a causar preocupação e prejuízo para comerciantes e trabalhadores autônomos. Em conversa com a reportagem, o restaurador de pisos Eneias Medeiros comenta que está desde às 7h aguardando pela restauração da energia para iniciar os trabalhos na casa de seu cliente.

Poucas ruas à frente está o comércio de Antônio Cesar, que precisa de energia para armazenar e manter a qualidade de seus produtos. “Estou com uma árvore caída na frente da minha empresa e minha equipe chega às 14h30, tenho que abrir peixe, tenho muitos perecíveis e não sei se vou abrir hoje”, comentou.

A Energisa não soube informar quantas equipes estão trabalhando para restaurar a energia dos bairros afetados. Conforme a Defesa Civil, os ventos chegaram a 73,1 km/h na manhã de hoje e o índice médio das chuvas foi de 52 milímetros.

Jornal Midiamax