VÍDEO: Vendaval que causou destruição no interior atingiu 60 km/h em MS, aponta Inmet

O vendaval que destruiu o telhado de uma escola na quarta-feira (21) na cidade de Rio Negro, distante 163 quilômetros de Campo Grande, atingiu a marca de 60km/h, apontam dados do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia). Conforme publicado ontem pelo Jornal Midiamax, houve chuva com queda de granizo na cidade. A combinação com as fortes […]
| 22/10/2020
- 12:30
VÍDEO: Vendaval que causou destruição no interior atingiu 60 km/h em MS, aponta Inmet
Telhado de escola estadual foi destruído com ventos de até 60km/h em Rio Negro. (Foto: Leitor Midiamax) - Telhado de escola estadual foi destruído com ventos de até 60km/h em Rio Negro. (Foto: Leito

O vendaval que destruiu o telhado de uma na quarta-feira (21) na cidade de Rio Negro, distante 163 quilômetros de Campo Grande, atingiu a marca de 60km/h, apontam dados do Inmet (Instituto Nacional de ).

Conforme publicado ontem pelo Jornal Midiamax, houve com queda de granizo na cidade. A combinação com as fortes rajadas de vento resultaram na destruição do telhado da Escola Estadual Leontino Alves de Oliveira. “Foram duas salas de aulas que foram detalhadas “, explicou a moradora Niellen Prado ao relatar ter ouvido um barulho muito forte.

De acordo com a meteorologia, não devem ocorrer tempestades na região nesta quinta-feira (22).

As rajadas de vento chegaram a 42km/h em Costa Rica, próximo da divisa com Goiás e 39km/h em Campo Grande durante a chuva de ontem à tarde.

Chuvas intensas

Segundo a previsão do Cemtec (Centro de Monitoramento do Tempo e do Clima), as chuvas de primavera seguem a tendência de ser rápidas e intensas, durante até o fim do mês de outubro em todo o Estado.

Veja também

Últimas notícias