Cotidiano

Prefeitura manda fechar Rodoviária de Campo Grande para conter avanço do coronavírus

A Prefeitura Municipal de Campo Grande deve ordenar o fechamento da Rodoviária de Campo Grande a partir da próxima terá-feira (24). Um novo decreto municipal deve ordenar a interrupção dos serviços no local. A medida deve ser tomada para evitar fluxo de passageiros entre cidades de MS e também entre Estados, o que também evita […]

Guilherme Cavalcante Publicado em 20/03/2020, às 11h56 - Atualizado às 16h00

Foto: Marcos Ermínio | Midiamax
Foto: Marcos Ermínio | Midiamax - Foto: Marcos Ermínio | Midiamax

A Prefeitura Municipal de Campo Grande deve ordenar o fechamento da Rodoviária de Campo Grande a partir da próxima terá-feira (24). Um novo decreto municipal deve ordenar a interrupção dos serviços no local.

A medida deve ser tomada para evitar fluxo de passageiros entre cidades de MS e também entre Estados, o que também evita a propagação do Covid-19.

Conforme apurado pelo Jornal Midiamax, o prazo para fechamento apenas para a próxima semana se baseia na necessidade da Socicam, concessionária que administra a rodoviária da Capital, comunicar demais agências de regulação, como a Agepan (Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos) e a ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres), devido às linhas interestaduais.

Nesta manhã, a reportagem constatou queda na movimentação na rodoviária – apesar de aberta, o número de passageiros era significativamente menor que nos dias normais. Ainda nesta sexta-feira (20), o diretor de Regulação e Fiscalização da Agepan, Ayrton Rodrigues, declarou que não havia restrições de entrada de ônibus vindos de outros estados e nem mesmo a restrição de ônibus de um município para o outro.

Vale lembrar que na noite da quinta-feira (19), um ônibus da Viação Andorinha com uma passageira boliviana suspeita de estar infectada com o novo coronavírus, chegou a ser interceptado.

Jornal Midiamax