Cerca de 100 moradores do distrito de , em , organizam pelas redes sociais um movimento #barreirasjá, pedindo a instalação de uma nova na região. A reclamação enviada nesta terça-feira (23) pede que a Prefeitura Municipal considere o pedido de moradores para evitar contágio de coronavírus.

O morador, João Marcos de Castro, acredita que a instalação de uma nova barreira ajudaria a proteger a vizinhança. Segundo ele, a maior parte da papulação é idosa, e faz parte do grupo de risco.

“(Gostaríamos) da instalação de outra na divisa do distrito com Nova Alvorada do Sul. Viajantes do interior passam sem proteção. Ontem (22), (foi registrado) um caso positivo vindo de Nova Alvorada, que passou por Anhanduí. Minha família mora aqui e tenho uma avó de 95 anos”, reclamou.

A (Secretaria Municipal de Saúde) informou que houve um estudo medindo o fluxo de trânsito e pontos para instalar a vistoria. Inicialmente, foram instaladas em 5 pontos de saúde. A partir do experimento, foi definido os locais que têm o maior registro de viajantes.

Ainda segundo a secretaria, as barreiras instaladas na saída para Três Lagoas, São Paulo e Sidrolândia, registram 4 vezes mais fluxo do que os demais acessos, principalmente de locais considerados críticos como Dourados e São Paulo.