Cotidiano

Investigador da Polícia Civil morre vítima do coronavírus em Três Lagoas

O coronavírus fez mais uma vítima entre profissionais da segurança pública em Mato Grosso do Sul. O investigador de polícia judiciária Guilherme de Souza Venâncio, de 38 anos, falece na madrugada desta terça-feira (29), em Três Lagoas. O policial era lotado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) de Três Lagoas. Segundo nota divulgada pela […]

Mylena Rocha Publicado em 29/12/2020, às 10h05

Foto: Reprodução/Redes Sociais
Foto: Reprodução/Redes Sociais - Foto: Reprodução/Redes Sociais

O coronavírus fez mais uma vítima entre profissionais da segurança pública em Mato Grosso do Sul. O investigador de polícia judiciária Guilherme de Souza Venâncio, de 38 anos, falece na madrugada desta terça-feira (29), em Três Lagoas.

O policial era lotado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) de Três Lagoas. Segundo nota divulgada pela PCMS (Polícia Civil de Mato Grosso do Sul), ele morreu em decorrência da Covid-19, no Hospital Nossa Senhora Auxiliadora, em decorrência da Covid-19.

Guilherme estava na Polícia Civil desde 2006. Segundo a PCMS, o sepultamento será por volta ao meio-dia desta terça-feira (29), na cidade de Andradina (SP).

“A Polícia Civil do Mato Grosso do Sul lamenta a perda e presta condolências aos familiares e amigos”, disse em nota de pesar.

Avanço do coronavírus em MS

O boletim da Covid-19 divulgado na manhã de segunda-feira (28) pela SES (Secretaria de Estado de Saúde) mostra que a semana epidemiológica que se encerrou no sábado (26) teve aumento de 103% no número de mortes se comparado com duas semanas atrás.

Os dados mostram que do dia 20 a 26 de dezembro foram 175 óbitos no Estado. Já na semana do dia 6 a 12 deste mês, MS havia registrado 86 pessoas que perderam a vida pelo coronavírus.

Jornal Midiamax