Cotidiano

Coronavírus: HU suspende atendimentos no ambulatório e muda regime de visitas

O Humap-UFMS (Hospital Universitário Maria Aparecida Pedrossian da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) suspendeu os atendimentos ambulatoriais a partir desta quarta-feira (18). A decisão considera a pandemia do coronavírus (Covid-19) e os recentes casos diagnosticados em Campo Grande. De acordo com o hospital, não há retorno para a volta dos atendimentos no local, […]

Ana Paula Chuva Publicado em 18/03/2020, às 11h27

None
Hospital Universitário (arquivo/Midiamax)

O Humap-UFMS (Hospital Universitário Maria Aparecida Pedrossian da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) suspendeu os atendimentos ambulatoriais a partir desta quarta-feira (18). A decisão considera a pandemia do coronavírus (Covid-19) e os recentes casos diagnosticados em Campo Grande.

De acordo com o hospital, não há retorno para a volta dos atendimentos no local, mas para gestação de alto risco, pós-operatórios, pulsoterapia e TAP os ambulatórios estarão abertos.

A partir de quinta-feira (19), o HU suspenderá os exames de imagem e laboratoriais eletivos e na sexta-feira (20) as cirurgias eletivas já agendadas.

Vale destacar que, os atendimentos, exames e cirurgias de urgência e emergência serão mantidos.

Visitas

O hospital também decidiu alterar o regime de visitas aos pacientes.  A área vermelha do Pronto atendimento Médico, CTI (Centro de Terapia Intensiva), Enfermaria da Pediatria, Maternidade e Pré-parto não terão visitas.

Estão autorizas no Pronto Atendimento Médico Pediátrico, Unidade de Cuidados Intermediários Neonatais, UTI (Unidade de Terapia Intensiva) Neonatal e Unidade Canguru apenas a visita dos pais.

Já para as visitas com horários diferenciados será permitida a entrada de apenas 1 visitante, 1 vez ao dia, com 30 minutos de duração. Confira os horários

– Clínica Médica – 10h

– CTI Adulto – 11h30

– Clínica Cirúrgica 2 – 13h

– PAM Área Amarela – 15h

– PAM Área Verde – 15h

– CTI Adulto – 15h30

– UCO (Unidade Coronariana) – 16h30

– DIP (Doenças Infecciosas e Parasitárias) – 17h

– Clínica Cirúrgica 1 – 19h

Trabalhos voluntários e visitas à Capelania Hospitalar estão proibidas.

O hospital ainda ressalta que pessoas com mais de 60 anos, gestantes, hipertensos, cardiopatas e diabéticos estão proibidos de permanecer nas dependências do hospital.

Jornal Midiamax