Cotidiano

Carro forte resgata dinheiro de caixas eletrônicos destruídos em incêndio no Atacadão

Em fase de resfriamento, o incêndio que destruiu a unidade do Atacadão na Avenida Duque de Caxias, em Campo Grande, “permitiu” que equipe de segurança com carro forte fosse ao local resgatar dinheiros dos caixas eletrônicos destruídos durante o incidente. Conforme apurou a reportagem, no local haviam dois caixas eletrônicos do Banco 24 Horas e, […]

Mariane Chianezi Publicado em 14/09/2020, às 17h08 - Atualizado em 15/09/2020, às 07h43

Foto: Leonardo de França, Midiamax
Foto: Leonardo de França, Midiamax - Foto: Leonardo de França, Midiamax

Em fase de resfriamento, o incêndio que destruiu a unidade do Atacadão na Avenida Duque de Caxias, em Campo Grande, “permitiu” que equipe de segurança com carro forte fosse ao local resgatar dinheiros dos caixas eletrônicos destruídos durante o incidente.

Conforme apurou a reportagem, no local haviam dois caixas eletrônicos do Banco 24 Horas e, devido a cofre de proteção e segurança das cédulas, foi possível resgatar o dinheiro. No local foi possível ver que seguranças retiraram um malote de cédulas e não há informações se papéis foram danificados.

O incêndio entrou na fase de resfriamento e militares trabalham na contenção de focos isolados dentro do prédio. Deste modo, prestes a estar totalmente controlado, o incêndio já dura quase 24 horas. Conforme o coronel Carminati do Corpo de Bombeiros, as únicas partes preservadas no incêndio foram o escritório e a administração da unidade da rede atacadista.

Uma pá carregadeira está ajudando na retirada de materiais que podem prejudicar a contenção das chamas. Até então, 400 mil litros de água foram usados e 40 militares estão no local trabalhando. Nove viaturas seguem entrando e saindo do local.

Jornal Midiamax