Cotidiano

Campo Grande ultrapassa a marca de 1 mil mortes por Covid-19, diz boletim

Boletim divulgado na noite de sábado (26) pela Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) informa que Campo Grande chegou a 1.008 mortes por coronavírus (Covid-19). Conforme os dados, foram 13 novos óbitos confirmados nas últimas 24 horas. O índice de letalidade está em 1,7%, ou seja, de 1 a 2 pessoas morrem a cada 100 casos […]

Gabriel Maymone Publicado em 27/12/2020, às 08h09 - Atualizado em 28/12/2020, às 07h09

Ilustrativa (Foto: Rovena Rosa, Agência Brasil)
Ilustrativa (Foto: Rovena Rosa, Agência Brasil) - Ilustrativa (Foto: Rovena Rosa, Agência Brasil)

Boletim divulgado na noite de sábado (26) pela Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) informa que Campo Grande chegou a 1.008 mortes por coronavírus (Covid-19).

Conforme os dados, foram 13 novos óbitos confirmados nas últimas 24 horas. O índice de letalidade está em 1,7%, ou seja, de 1 a 2 pessoas morrem a cada 100 casos confirmados. Há uma semana a taxa estava em 1,6%.

A semana epidemiológica que se encerrou ontem foi a segunda mais fatal da pandemia. Pois, foram 63 óbitos em 7 dias, que representa uma média de 9 mortes por dia. A semana anterior foi a com maior registro de mortes até o momento: 73.

Perfil

Das pessoas que perderam a vida para a Covid-19 em Campo Grande, 776 (76,9%) tinham mais de 60 anos, informou o boletim. Vítimas que tinham entre 41 e 60 anos somam 201 pessoas (19,9%). Do grupo de 20 a 40 anos, foram 30 casos registrados, que representam 2,9% das mortes. Com idade inferior a 20 anos foi apenas uma vítima registrada até o momento.

Em relação ao sexo, 54,4% dos casos fatais ocorreram em pessoas do sexo masculino e 45,6% em mulheres.

Campo Grande ultrapassa a marca de 1 mil mortes por Covid-19, diz boletim

Casos

Campo Grande confirmou 379 novos casos de coronavírus nas últimas 24h e chegou a 58.901 ocorrências da doença. Desses, 1.040 estão em isolamento domiciliar, ou seja: ainda não se recuperaram da doença, mas não precisaram ser internados.

O município informou ainda ter 1.696 casos suspeitos, quando falta confirmação do Lacen (Laboratório Central).

Conforme o boletim, a Capital tem 259 pessoas internadas com a doença, sendo 142 em leitos clínicos e 115 em UTI (Unidade de Terapia Intensiva). Outros 2 estão em PAM (Pronto Atendimento Médico). Assim, são 77 pacientes internados pelo SUS (rede pública) e 182 na rede particular.

Campo Grande ultrapassa a marca de 1 mil mortes por Covid-19, diz boletim

Por fim, a Sesau informou que, dos internados, 203 estão com oxigênio e 35 pacientes precisam da ventilação mecânica, que  é o suporte oferecido, por meio de um aparelho, ao paciente que não consegue respirar espontaneamente por vias normais.

Jornal Midiamax