Cotidiano

De novo: Sistema do Detran-MS volta a cair, mas nova linha já está em fase teste

Diversos atendimentos prestados pelo Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul) está sem funcionamento desde o fim da tarde da última quarta-feira (02) devido ao rompimento de uma fibra óptica da Operadora OI. De acordo com o órgão, a queda de sinal foi ocasionada no Estado do Paraná e afetou centenas de […]

Ana Palma Publicado em 03/10/2019, às 10h34 - Atualizado em 04/10/2019, às 10h46

Sede do Detran em Campo Grande. (Marcos Ermínio, Midiamax)
Sede do Detran em Campo Grande. (Marcos Ermínio, Midiamax) - Sede do Detran em Campo Grande. (Marcos Ermínio, Midiamax)

Diversos atendimentos prestados pelo Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul) está sem funcionamento desde o fim da tarde da última quarta-feira (02) devido ao rompimento de uma fibra óptica da Operadora OI. De acordo com o órgão, a queda de sinal foi ocasionada no Estado do Paraná e afetou centenas de sistemas de outros Estados. Até o momento, não se sabe o real motivo de como aconteceu a queda.

Devido a várias intercorrências desse tipo no decorrer do ano, o Detran-MS contratou a Serpro (Serviço Federal de Processamento de Dados), empresa que fornecerá a nova linha, para a implantação de um novo link de comunicação que garanta o atendimento ao usuário e a estabilidade no sistema.

Segundo informações da Dirti (Diretoria de Tecnologia da Informação) do Detran-MS, o novo link já estava em fase de teste e estará pronto nas próximas horas. Quando anunciada a troca de serviço, em agosto, o órgão deu um prazo de 60 a 90 dias para a nova linha começar a funcionar.

O Departamento de Trânsito orienta aos usuários que entrem em contato com a Central de Informações, pelos números 3368-0500 ou 154, antes de procurar qualquer atendimento.

Em nota, a operadora OI esclarece o que realmente ocorreu:

A Oi informa que o link que conecta o DETRAN do MS ao SERPRO, em São Paulo, foi afetado por três interrupções que ocorreram simultaneamente na rede, entre os dias 2 e 3 de outubro, em razão de causas exógenas à sua responsabilidade. Sendo essas, falha de transmissão ocasionada por agente externo, queimada em Barra do Turvo (SP) e manutenção realizada por concessionária de energia em São Paulo.

Durante a manhã de ontem (3 de outubro) as falhas foram solucionadas e o serviço foi normalizado no  início da tarde do mesmo dia. A Oi reforça a preocupação com a qualidade do seu atendimento e reitera que vem trabalhando junto com o DETRAN do MS para modernizar a conexão do cliente ao SERPRO

Jornal Midiamax