Cotidiano

VÍDEO: Moradores de distrito têm que abrir cova para conseguir sepultar familiar

Moradores de Piraputanga, distrito de Aquidauana, tiveram que abrir uma cova para conseguir sepultar um parente. Depois de velar o corpo de Moises Rodrigues da Silva, amigos e familiares foram até o Cemitério de Pìraputanga para o sepultamento, mas no local não havia coveiro ou outro funcionário da prefeitura para fazer o enterro. Nem mesmo […]

Mariane Chianezi Publicado em 14/06/2018, às 15h56 - Atualizado em 15/06/2018, às 11h05

(Foto: Reprodução | Youtube)
(Foto: Reprodução | Youtube) - (Foto: Reprodução | Youtube)

Moradores de Piraputanga, distrito de Aquidauana, tiveram que abrir uma cova para conseguir sepultar um parente. Depois de velar o corpo de Moises Rodrigues da Silva, amigos e familiares foram até o Cemitério de Pìraputanga para o sepultamento, mas no local não havia coveiro ou outro funcionário da prefeitura para fazer o enterro.

Nem mesmo a cova destinada a Moises estava preparada adequadamente. De acordo com o site regional Agora News, havia uma cova rasa no cemitério, mas ela não estava nas medidas adequadas para receber o caixão com o corpo de Moises.

Como no local não havia nenhum funcionário da prefeitura, eles próprios terminaram o trabalho usando as ferramentas que estavam no local.

Vídeo publicado nas redes sociais mostra dois homens cavando para adequar a cova ao tamanho do caixão. No áudio é possível ouvir uma moradora da cidade falar que novamente uma família tem que fazer o trabalho da prefeitura para conseguir sepultar um parente.

Segundo os moradores, há muito tempo não há coveiro no distrito.

A reportagem entrou em contato com o prefeito de Aquidauana, Odilon Ribeiro, e com a Prefeitura Municipal, mas ligações não foram atendidas. Nenhum funcionário do cemitério foi localizado para comentar o caso.

Confira o vídeo:

Jornal Midiamax