Cotidiano

Fique esperto: novos radares já estão em fase de testes em Campo Grande

Com previsão de instalação de 90 radares em Campo Grande, a empresa vencedora do processo licitatório já está com sistemas em fase de testes nas ruas da cidade. Não há informação em quais endereços os radares foram instalados, mas a Prefeitura informou que podem começar a operar a qualquer momento. Conforme a assessoria de imprensa […]

Mariane Chianezi Publicado em 05/07/2018, às 17h23 - Atualizado em 06/07/2018, às 10h53

None

Com previsão de instalação de 90 radares em Campo Grande, a empresa vencedora do processo licitatório já está com sistemas em fase de testes nas ruas da cidade. Não há informação em quais endereços os radares foram instalados, mas a Prefeitura informou que podem começar a operar a qualquer momento.

Conforme a assessoria de imprensa da Prefeitura, a fase de testes dos radares faz parte do processo licitatório, mas eles ainda não estão operando oficialmente.

Com previsão de assinatura para o fim de julho, o contrato de R$ 15,4 milhões, com validade de cinco anos, deverá ser assinado com o Consórcio Cidade Morena. Ao todo, deverão ser instalados 90 novos radares na cidade – 24 a mais que os existentes, desativados em dezembro de 2016.

Novos radares

O diretor-presidente da Agetran (Agência Municipal de Trânsito), Janine de Lima Bruno, afirmou no dia 20 de junho que a instalação de novos radares nas ruas de Campo Grande dependeria de um estudo técnico que determinasse a necessidade e viabilidade dos equipamentos em novos pontos. Contudo, era certo que muitos dos locais onde há radares devam ser alterados.

“A instalação de qualquer equipamento depende desse estudo técnico, que vai determinar se o local escolhido é relevante. Mas, de forma geral, observamos que faremos muitas mudanças na cidade, porque desde que foram instalados, o perfil desses locais mudou bastante”, explica Janine.

Segundo ele, o estudo contemplará locais com limite de velocidade mais alto e com alto índice de acidentes, como a Avenida Lúdio Martins Coelho, importante corredor de acesso a diversos bairros da região sudoeste de Campo Grande. “Mas só o estudo técnico poderá indicar os espaços exatos”, completa.

Jornal Midiamax