Cotidiano

Suposto vazamento de amônia na JBS mobiliza Bombeiros

Vizinha ao frigorífico reclama de ardência nos olhos

Midiamax Publicado em 10/06/2017, às 20h45

None

Vizinha ao frigorífico reclama de ardência nos olhos

Viaturas de socorro do Corpo de Bombeiros se deslocam para o frigorífico JBS, na saída de Campo Grande para Sidrolândia, no fim desta tarde de sábado (10), após suposto vazamento de amônia – gás tóxico usado em sistema de refrigeração -, no local.

Uma mulher, que mora ao lado da Estação Ferroviária, teria acionado os Bombeiros por ardência, nos olhos e agitação dos animais, porém, o vazamento ainda não foi confirmado.

Casos

No último dia 6 de abril, um vazamento na área onde ficam instaladas as máquinas e onde trabalham a maioria dos 1,2 mil empregados da empresa, condição que facilitou o socorro. O oficial informou que ao menos 30 bombeiros participam da operação de socorro. Do lado de fora a movimentação de empregados e parentes de funcionários foi intensa. 

Já no dia 30 de abril, um vazamento na mesma unidade mobilizou equipes, porém foi controlado, antes da chegada dos militares. O vazamento teria acontecido depois da manutenção em uma das câmaras frigoríficas da empresa. Equipes realizaram a vistoria nas instalações.

A JBS informou por meio de assessoria que não houve vazamento, mas sim manutenção de equipamentos, fato que foi informado aos Bombeiros.

Matéria editada às 10h39 para acréscimo de informações

Jornal Midiamax