Cotidiano

Estudantes vestem preto e fazem manifestação contra a Reforma Trabalhista

Alunos do Ensino Médio da Rede Estadual

Wendy Tonhati Publicado em 10/11/2017, às 14h38

None

Alunos do Ensino Médio da Rede Estadual

Alunos do 9° ao 3° ano da Escola Estadual Padre José Scampini, no Bairro Coophavilla 2, em Campo Grande, fizeram uma manifestação, na manhã desta sexta-feira (10), contra a Reforma Trabalhista, que entra em vigor no próximo sábado (11).

Os alunos vestiram preto e levaram cartazes criticando a mudança. O protesto foi organizado pelo Grêmio Estudantil e não houve interrupção das aulas. “Todos estamos de preto para simbolizar a indignação e luto por esse processo. Os alunos também se preocupam com o futuro do nosso país”, explica a presidente do Grêmio Estudantil, Bruna Benevides.

Em Campo Grande, sindicatos organizaram manifestações contra a Reforma e contra privatizações do governo Federal. As ações começaram às 6h30 na UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) e seguem no Centro da Capital com enterro simbólico da CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas).Estudantes vestem preto e fazem manifestação contra a Reforma Trabalhista

Denúncias e reclamações

Envie diretamente para os jornalistas do Midiamax sua denúncia, flagrante ou sugestão. Você nem precisa se identificar. A preservação da sua identidade é garantida constitucionalmente e o jornal respeita sua confiança em nosso trabalho. Quanto mais detalhes, documentos ou informações você enviar, mais rápido o trabalho dos repórteres.

Se estiver no celular e preferir, use o WhatsApp do jornal: (67) 992074330.

Jornal Midiamax