Exames diagnosticaram infecção generalizada

Internada na Upa (Unidade de Pronto Atendimento) Universitário e aguardando vaga para ser transferida para hospital há quatro dias, Arsenia Maria da Conceição, 89 anos, faleceu na tarde desta terça-feira (29) na Capital. Segundo as informações da neta ela sofreu três paradas cardíacas e não resistiu.

Depois de passar mal no sábado (26), Arsenia precisou ser socorrida e deu entrada na unidade no mesmo dia e desde então aguardava uma vaga para transferência. “Ela precisa ser internada no hospital, pediram leito para ela e não está tendo leito”, contou Lídia Maria Hungria, neta da idosa, nesta manhã ao Jornal Midiamax.Após quatro dias esperando por vaga, idosa não resiste e morre em Upa

Ainda segundo Lídia, a avó estava com infecção urinária e um exame feito na Upa revelou que a infecção seria generalizada. Arsenia já estaria respirando por aparelho e o médico estaria cogitando entubar a paciente.

“A médica disse que ela está precisando urgentemente de um cuidado hospitalar por causa do estado dela. E corre risco de vida”, relatou ainda nesta manhã.

A equipe do Jornal Midiamax entrou em contato com a prefeitura que informou que estaria viabilizando a transferência da paciente para a Santa Casa como prioridade. Mas fomos informados por Lídia que após sofrer três paradas cardíacas na tarde de hoje Arsenia não resistiu e veio a falecer.

“Ela não resistiu. Acho que só tava esperando eu chegar aqui para ver ela, acabou morrendo”, contou.