Cotidiano

Após ladrão ‘violado’, dono de mandiocal diz que furtos são frequentes na região

No Jardim Monte Alegre

Thatiana Melo Publicado em 10/05/2017, às 12h48

None
fce579c8-07f5-4808-b661-5c2ade664972.jpg

No Jardim Monte Alegre

O dono da plantação de mandioca, de 80 anos, furtada na noite desta terça-feira (9), no Jardim Monte Alegre, em Campo Grande disse que são frequentes os casos na região, e que por diversas vezes já teve seus produtos levados.

Ele disse que em outras ocasiões já tinha reclamado dos furtos, mas que nada tinha sido feito, sendo que estavam de olho no suspeito. Outro morador da região disse que fazia o plantio de hortaliças e mandiocas, em um terreno arrendado, mas por causa dos furtos desistiu.

O furto

Um homem, de 33 anos, foi detido por populares e teve uma mandioca introduzida no ânus, na noite desta terça-feira (9), depois de ser flagrado furtando mandioca de uma plantação, no Jardim Monte Alegre, na Capital.

Os policiais foram acionados por volta das 22 horas e ao chegarem ao local encontraram a vítima, que disse ter sido agredido e detido por funcionários da chácara. Um dos sócios da plantação disse aos policiais que o autor já teria em outras ocasiões cometidos furtos na plantação de mandioca.

O autor foi flagrado com uma sacola com aproximadamente cinco quilos de mandioca. O ladrão teria sido cercado por funcionários da plantação e agredido. Em seguida teria sido introduzido em seu ânus uma mandioca, mas ele não sabia dizer quem seria o autor da agressão.

O autor foi levado para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Leblon para atendimento médico, sendo posteriormente transferido para outra unidade de saúde. Os autores da agressão compareceram a delegacia de polícia para prestar esclarecimentos.

Jornal Midiamax