Décimo terceiro de 2015 também não foi pago

Está marcada para a tarde desta quinta-feira (12) a audiência para resolver a falta de pagamento dos salários de trabalhadores da Cerâmica Fênix de Rio Verde, município a 194 quilômetros de . A reunião acontece no MPT (Ministério Público do Trabalho), de Campo Grande, com representantes da empresa e uma comissão de trabalhadores.

Hoje, pela manhã, cerca de 30 trabalhadores e sindicalistas estiveram o MPT para pedir a audiência. Eles representam cerca de 200 empregados da Cerâmica Fênix que estão há 2 meses sem receber salários. 

O décimo terceiro de 2015 também não foi pago. Além disto, os trabalhadores não estão recebendo os equipamentos de proteção individual, o que coloca em risco a integridade física deles.

Em protesto a todos estes problemas, os funcionários paralisaram as atividades desde ontem. Durante 3 horas e interditaram a BR-163 em Rio Verde.

“Tem gente sem dinheiro até para comprar comida. Estes problemas se arrastam há meses, já demos prazo suficiente para a empresa resolver e nada”, disse José Abelha, presidente do Sindicato dos Trabalhadores da e do Mobiliário de Campo Grande.