Óbitos causados pela doença chegam a dez em MS

A SES () confirmou nesta quarta-feira (17) a segunda morte por no ano em Campo Grande. O óbito foi em maio e já estava sob investigação da SES por suspeita de ter sido causado pela doença. A vítima era uma mulher de 54 anos que vivia no Conjunto Aero Rancho. Ela morreu no dia 11 de maio e estava internada na Santa Casa.Exames de necropsia confirmaram a causa da morte.  

A primeira morte aconteceu no dia 8 de maio. A vítima, uma idosa de 67 anos, que vivia no Monte Castelo, morreu de dengue hemorrágica. Ela estava internada na UPA Coronel Antonino.

Agora são dez óbitos causados pela doença em 2015 no Mato Grosso do Sul, sendo dois na Capital, dois em Sonora, e um em Corumbá, Dourados, Juti, Paranhos, Três Lagoas e Maracaju.

Epidemia atinge praticamente todo estado

Com 26.541 casos no ano (média de 158 casos/dia), Mato Grosso do Sul está praticamente todo atingido pela dengue. Apenas cinco municípios não correm risco de epidemia: Batayporã, Nioaque, Bela Vista, Corguinho e Dois Irmãos do Buriti.

Do restante, sessenta municípios (75%) correm alto risco de epidemia: Iguatemi, Sonora, Selvíria, Itaquiraí, Brasilândia, Amambaí, Laguna Carapã, Chapadão do Sul, Japorã, Sete Quedas, Inocência, Costa Rica, Juti, Douradina, São Gabriel do Oeste, Aral Moreira, Paranhos, Água Clara, Angélica, Eldorado, Maracaju, Naviraí, Tacuru, Antônio João, Nova Andradina, Santa Rita do Pardo, Aparecida do Taboado, Três Lagoas, , Coronel Sapucaia, Ivinhema, Cassilândia, Nova Alvorada do Sul, Alcinópolis, Guia Lopes da Laguna, Glória de Dourados, Mundo Novo, Paraíso das Águas, Anaurilândia, Vicentina, Fátima do Sul, Pedro Gomes, Dourados, Campo Grande, Ribas do Rio Pardo, Itaporã, , Ponta Porã, Jateí, Ladário, Caarapó, Bonito, Bataguassu, Rio Negro, Novo Horizonte do Sul, Corumbá, Coxim, Bandeirantes, Taquarussu e Rochedo.

Outros catorze (23,6%) estão em estado de alerta para epidemia de dengue: Deodápolis, Rio Brilhante, Sidrolândia, Camapuã, Caracol, , Porto Murtinho, Aquidauana, Anastácio, Jardim, Rio Verde, Bodoquena, Terenos e Figueirão.

Saiba Mais