Aulas podem parar semana que vem, dia 20

Os professores reunidos em frente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul decidiram aprovar o indicativo de greve e, dependendo da proposta de reajuste do Governo, podem parar as aulas na próxima quinta-feira (21). A decisão foi tomada nesta manhã (14).

Na sexta-feira (15), os professores se reúnem com o Executivo às 10h para saber qual a proposta. Eles pedem 10,98% de reajuste para que até 2018 todos recebam o piso salarial nacional.

A Fetems (Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul) vai levar a proposta do governo na segunda-feira (18) aos professores do Estado e na terça-feira (19) fazem assembleia geral para responder ao Governo e resolver se entram em greve ou não. 

Saiba Mais