Cotidiano

Procurador da Lava Jato visita MS e lança medidas de combate à corrupção

Deltan Dellagnol estará em Campo Grande no próximo sábado

Gerciane Alves Publicado em 14/07/2015, às 20h29

None
procurador-deltan-m-dallagnol.jpeg

Deltan Dellagnol estará em Campo Grande no próximo sábado

O MPF (Ministério Público Federal) em Mato Grosso do Sul recebe no próximo sábado (18) o procurador da República Deltan Dellagnol, um dos membros da Operação Lava Jato, que investiga desvio de dinheiro público na Petrobras. No evento, serão apresentadas ferramentas de investigação criminal do MPF e um pacote de alterações legislativas para combater a corrupção e a impunidade no país.

Estarão presentes no encontro integrantes do Núcleo de Combate à Corrupção de Mato Grosso do Sul e o coordenador criminal da PR/MS, Sílvio Pettengill Neto.

Combate à corrupção

O projeto “10 medidas de Combate à Corrupção” é uma proposta do Ministério Público Federal para alterar a legislação brasileira e aprimorar o combate a casos de corrupção no país. O objetivo do projeto é o de coletar assinaturas de cidadãos e cartas de apoio de instituições para proposição de mudanças legislativas de iniciativa popular.

De acordo com a ONU (Organização das Nações Unidas), aproximadamente R$ 200 bilhões são desviados no Brasil, por ano. Esse valor permitiria multiplicar por três os investimentos federais em educação ou saúde, ou, ainda, multiplicar por cinco tudo que se investe em segurança pública em todo o país. Seria possível também resgatar da miséria os dez milhões de brasileiros que não conseguem comprar os alimentos necessários para sobreviver.

“As dez medidas propostas pelo MPF objetivam levar ao legislativo a indignação dos cidadãos que não aguentam mais a impunidade proporcionada por brechas na lei. Com o projeto, o MPF quer dar voz aos brasileiros e fechar ainda mais o cerco aos corruptos”, enfatiza o procurador Sílvio Pettengill Neto.

Jornal Midiamax