Trabalhadores foram impedidos de fazer coleta

Impedidos de entrar no , localizado na região sudoeste de , na manhã desta segunda-feira (16), os catadores que trabalham no local bloquearam a entrada do caminhões da CG Solurb, concessionária responsável pela coleta de lixo em Campo Grande.

Segundo uma catadora que preferiu não se identificar, os trabalhadores chegaram ao lixão por volta das 6 horas, no entanto, foram impedidos de entrar.

“Estão alegando que não podemos mais trabalhar no lixão, mas esta é uma decisão da Solurb porque o juíz ainda não deu nenhuma posição sobre isso. Se a gente não entrar para trabalhar, não vamos deixar os caminhões entrarem também”, afirma.

A previsão era que as coletas no lixão fossem encerradas com a inauguração da UTR (Unidade de Triagem de Resíduos), que passou a funcionar no dia 14 de agosto de 2015, no entanto, os catadores haviam pedido um prazo para continuar com os trabalhos durante o período de transição.

O prazo era de 30 dias. A reportagem do Jornal Midiamax entrou em contato com o superintendente da Solurb, Elcio Terra, para saber mais informações a respeito da situação dos catadores, no entanto, foi informada de que ele não poderia atender a ligação e de que as perguntas seriam respondidas via email, mas até até o fechamento deste texto não houve retorno.

O lixão deve ser fechado para que o Prad (Plano de Recuperação de Áreas Degradadas) seja retomado.