Cotidiano

Homem é executado em bairro de Campo Grande e suspeita é de crime passional

Moradores do bairro relatam que escutaram três tiros e encontraram o corpo de bruços em um matagal.

Arquivo Publicado em 29/01/2014, às 20h30

None
697475814.jpg

Moradores do bairro relatam que escutaram três tiros e encontraram o corpo de bruços em um matagal.

Um homem foi executado na tarde desta quarta-feira (29), na Rua Leopoldina, localizada no bairro Nossa Senhora das Graças em Campo Grande. Reinaldo Gonçalves de Azevedo, de 41 anos,  ex-presidiário, teve um boletim de ocorrência por violência doméstica lavrado contra ele na manhã de hoje.

De acordo com o registro, ele teria invadido uma casa que fica na Vila Nasser onde estaria a sua mulher e ainda teria furtado uma bicicleta. A amiga da mulher de Reinaldo, uma comerciante de 26 anos, revela que na noite de ontem (28) a vítima teria brigado com a sua companheira e durante a briga tentou atingir o pescoço dela com uma faca que acabou a acertando de raspão.

Na manhã de hoje, com ciúmes de um rapaz que estaria tendo um caso com a sua mulher, Reinaldo teria dado um tapa no rosto do suposto amante de sua mulher. O rapaz agredido é suspeito de ser o autor do crime.

Moradores do bairro relatam que escutaram três tiros e encontraram o corpo de bruços em um matagal. Aparentemente, o homem foi executado e arrastado, já que uma “trilha” foi formada no mato onde a vítima foi encontrada.

O delegado do 2º DP e a perícia já estão no local para fazer levantamento sobre o local do crime. De acordo com o delegado Weber Luciano de Medeiros, a vítima foi atingida com um tiro no peito. “Houve desentendimentos anteriores, ele tinha passagens e estava de alvará de soltura. Iremos apurar todas as circunstâncias que podem ter levado ao homicídio”, disse. (Matéria atualizada para acréscimo de informações)

Jornal Midiamax