Jovem natural de Sonora, cidade a 361 quilômetros de Campo Grande, morreu após sofrer uma parada cardiorrespiratória no show da norte-americana Taylor Swift nesta sexta-feira (17), no estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ). Ela chegou a ser reanimada no local, porém morreu após dar entrada no hospital.

Estela Benevides, prima de Ana, disse à Folha de São Paulo que recebeu a informação do falecimento em telefonema do médico que atendeu a jovem. Ela chegou a ser levada ao Hospital Municipal Salgado Filho, após ser atendida no estádio.

Ana estava na grade assistindo ao show quando desmaiou. Conforme o enfermeiro Thiago Fernandes, 22, amigo de Benevides, ela foi reanimada no estádio por aproximadamente 40 minutos, porém, teve uma segunda parada a caminho do hospital.

Ana veio a óbito logo após dar entrada no hospital por volta das 20h. A informação é de que sensação térmica no estádio era de 60°C e, segundo o Corpo de Bombeiros, ocorreram aproximadamente mil desmaios no evento.