Três alunas do curso de Biomedicina da Unisagrado, instituição de ensino superior de Bauru (interior de , a 330 km da capital), viralizaram nas por causa de um vídeo sobre uma colega de classe que tem 40 anos de idade.

“Quiz do dia. Como desmatricula uma colega de sala?” Assim começa o vídeo, que foi inicialmente publicado no ‘close friends’ do – traduzido do inglês, ‘amigos próximos’, uma ferramenta para publicar os storys da rede social apenas para um grupo pequeno de pessoas. Contudo, algum desses ‘amigos’ divulgou o conteúdo.

As três meninas dão risada e outra continua. “Ela tem 40 anos, já era para estar aposentada. Gente, 40 anos não pode mais fazer faculdade. Acha que a professora é o Google.” Elas desativaram as redes sociais.

Na sexta-feira (10), a Unisagrado divulgou uma nota no seu Instagram, afirmando que está tratando do caso ‘no âmbito institucional’. A publicação, que até esta segunda tinha mais de 6.300 comentários, contém diversos recados de apoio à de 40 anos que foi vítima das meninas.

LEIA A NOTA DA UNISAGRADO

“Para começarmos esta conversa, deixamos claro que não compactuamos com qualquer tipo de discriminação. Completando… defendemos uma causa: A EDUCAÇÃO. Na verdade, somos a causa. Acreditamos que todos devem ter acesso à educação de qualidade, desde pequenos até quando cada um quiser, porque educação é isso: autonomia. Isso tudo faz sentido para nós.”

Ao Estadão, a assessoria de imprensa da universidade afirmou que se pronunciará novamente sobre o caso ainda nesta segunda.

Saiba Mais