MCTI apresenta cadastro para pesquisa com patrimônio genético nacional

| 20/04/2022
- 00:20
MCTI apresenta cadastro para pesquisa com patrimônio genético nacional
Instituto Nacional do Seguro Social (INSS)

O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações apresentou nesta terça-feira (19) uma novidade para pesquisadores que trabalham em biodiversidade sem fins econômicos. É um cadastro simplificado para pesquisa com patrimônio genético nacional.

A ideia é trazer mais jurídica ao setor acadêmico e simplificar o cadastro de pesquisas. A iniciativa atende a decreto instituído em outubro do ano passado que revisou o procedimento.

Durante o lançamento do módulo do cadastro, o ministro da Ciência, Tecnologia e Inovações, Paulo Alvim, destacou que o sistema, responsável por guardar as informações genéticas do país, contará com a contribuição dos usuários.

O Sisgen, Sistema Nacional de Gestão do Patrimônio Genético e do Conhecimento Tradicional Associado, está disponível para acesso pelo site do CNPQ. O endereço é: gov.br/cnpq.

E também nesta terça-feira, o ministério divulgou o resultado do Prêmio MCTI-FINEP SiBBr de Biodiversidade.

Os projetos premiados serão inseridos nos sistemas de informações sobre a biodiversidade, a plataforma sbbr.gov.br, que disponibiliza de forma aberta mais de 17 milhões de ocorrências sobre espécies brasileiras, além informações sobre biomas e projetos de pesquisa para estudos especializados, gestão ambiental e acesso de toda sociedade.

Veja também

O número de pessoas vacinadas com ao menos uma dose contra a covid-19 no Brasil...

Últimas notícias