Brasil

Autor de novelas Gilberto Braga, morre aos 75 anos no Rio de Janeiro

Tramas ficaram famosas por quase sempre apresentarem um assassinato misterioso

Diego Alves Publicado em 26/10/2021, às 21h38

Reprodução
Reprodução

Morreu na noite de hoje, aos 75 anos, o autor Gilberto Braga. De acordo com a família, o autor estava internado desde a última sexta-feira (22) no hospital Copa Star, no Rio de Janeiro (RJ). O site do G1 publicou que o sobrinho do autor, Bernardo Araújo afirmou que o tio estava internado desde sexta-feira (22) no hospital Copa Star, em Copacabana, depois de ter tido uma perfuração no esôfago e "vinha há alguns anos com vários problemas de saúde e passou por uma cirurgia na coluna, uma no coração e uma hidrocefalia, já vinha apresentando dificuldades para andar".

"Aí ele acabou indo para o hospital na semana passada. Ele foi internado já bem mal, e lá foi constatada uma infecção generalizada por conta da perfuração no esôfago."

O autor escreveu mais de 20 novelas. Suas tramas ficaram famosas por quase sempre apresentarem um assassinato misterioso nos últimos capítulos. Entre seus maiores sucessos estão "Dancing Days" (1978), "Corpo a Corpo" (1984), "Anos Dourados" (1986), "Vale Tudo" (1988), "Dono do Mundo" (1991) e "Celebridade" (2003). Em 2008, ele venceu o Emmy Internacional de Melhor Telenovela com "Paraíso Tropical)".

Seu último trabalho na Globo foi Babilônia (2015). Gilberto era casado com o decorador Edgar Moura Brasil, com quem estava junto há quase 50 anos. Famosos como Marcos Veras, Zezé Motta e Marcelo Medici lamentaram a morte do autor. (Informações do Splash Uol)

Jornal Midiamax