Eles chegaram de ônibus de áreas do Entorno do Distrito Federal

Trezentos manifestantes ligados ao (Movimento dos Trabalhadores Sem Teto) bloqueiam a entrada de serviço do . Eles chegaram de ônibus de áreas do Entorno do Distrito Federal.

Eduarda Maria da Conceição, porta-voz dos manifestantes, disse que a vinda do MTST ao Ministério da Fazenda ocorre pelo “simbolismo” representado por essa área do governo. “É o ministério responsável pela política econômica, por isso escolhemos vir para cá.”

Eduarda Maria disse que os integrantes do MTST só sairão do local depois que o governo garantir, entre outras reivindicações da área social, que a terceira etapa do Programa Minha Casa, Minha Vida “sairá do papel”.

Esse foi o segundo bloqueio da entrada de serviço do Ministério da Fazenda esta semana. A outra manifestação ocorreu na segunda-feira (9), quando ativistas da Fundação Educafro ocuparam a área interna da portaria de serviço do ministério. A outra entrada – a que dá acesso ao gabinete do ministro da Fazenda, Joaquim Levy – está sendo protegida pela Polícia Militar.