Le Blog Maria Antonia

Johnny Depp perde processo contra jornal que o chamou de “espancador de mulher”

O ator Johnny Depp perdeu o processo movido por ele contra o jornal inglês The Sun após a publicação chamá-lo de “espancador de mulher”. Ao tornar pública a sentença, o juiz britânico Justice Nicol classificou o texto que motivou o processo do ator como “substancialmente verdadeiro”. Ele também expôs sua crença na veracidade em pelo […]

Maria Antonia Naegele Publicado em 03/11/2020, às 13h54

None

O ator Johnny Depp perdeu o processo movido por ele contra o jornal inglês The Sun após a publicação chamá-lo de “espancador de mulher”. Ao tornar pública a sentença, o juiz britânico Justice Nicol classificou o texto que motivou o processo do ator como “substancialmente verdadeiro”.

Ele também expôs sua crença na veracidade em pelo menos 12 das 14 acusações de violência doméstica feitas pela atriz e modelo Amber Heard contra o ex-marido.

O artigo do The Sun que motivou o processo lamentava a continuidade do astro no papel do vilão dos filmes da franquia ‘Animais Fantásticos e Onde Habitam’, inspirados no universo do bruxinho Harry Potter, concebido pela escritora J.K. Rowling.

Já Heard listou as várias agressões que Depp teria cometido contra ela, como um surto de fúria no qual ele a arrastou pelos cabelos e depois a socou. Ela também mostrou as fotos que já havia compartilhado ao anunciar seu divórcio em que aparece com vários hematomas decorrentes das agressões.

Johnny Depp perde processo contra jornal que o chamou de "espancador de mulher"
Foto : Reprodução
Johnny Depp perde processo contra jornal que o chamou de "espancador de mulher"
Foto : Reprodução
Jornal Midiamax