Variedades / Veículos

Chevrolet fala em diferencial de atendimento enquanto cliente esbraveja no Facebook

Dono de ônix reclama de descaso das concessionárias da marca que o teriam feito assinar laudo inócuo da oficina

Midiamax Publicado em 16/02/2015, às 15h20

None
44.jpg

Dono de ônix reclama de descaso das concessionárias da marca que o teriam feito assinar laudo inócuo da oficina

Toni Fabiano Vacchiano entrou para o clube dos consumidores insatisfeitos, que por vingança à marca que confiou algum dia, usa a Internet para enfrentar a empresa. O caminho não é dos menos perigosos, uma vez que já houve decisões favoráveis à fornecedores ganharem na Justiça indenizações de Danos Morais de clientes que buscaram esse tipo de desafio. Dono de um ônix, o quarto veículo mais vendido em 2014 no Brasil, e um dos mais cobiçados nas concessionárias de Mato Grosso do Sul, ele dispara contra a Chevrolet, e reclama de defeitos que a montadora ainda nem anunciou recall. 

“Pessoal, cuidado com a compra do ônix e do prisma os quais vem apresentando defeito de fábrica corriqueiro de barulho e falhamento no motor após a partida com diminuição do nível do liquido de arrefecimento”, conta Toni em sua página de perfil no Facebook. O cliente diz ainda que chegou a deixar seu carro para análise na concessionária e que mesmo com os problemas denunciados nenhuma informação foi preenchida no laudo técnico. 

Toni alega que para retirar o veículo da Perkal ele teria sido induzido a assinar um laudo técnico que não concordava, o qual simplesmente ignorava os defeitos acusados por ele. O cliente relatou em público que por diversas vezes já procurou as autorizadas Chevorlet que não teriam o atendido com respeito e profissionalismo.

“Me entregaram o carro com o nível da água muito abaixo do nível normal recomendado no manual do proprietário  e o motor continua falhando, conversei no dia 10 de fevereiro com o chefe da oficina (identificado com Dirceu) que pretendia viajar nos dias de carnaval ,para descansar e rever a família, por isso hoje eu e minha família estamos em casa , frustrados ,indignados ,fomos desrespeitados no sonho de ter um carro novo e não ter problemas com mecânica de veiculo velho. Está se tornando um pesadelo, não tenho mais confiança neste veiculo”, desabafa.

Sucesso

Em 2014 o Ônix foi o 4º carro mais vendido do Brasil, com a comercialização de 91.326 exemplares. Um dos que mais recebeu investimento de Marketing da Chevrolet no Brasil, o carro foi garoto propaganda de campeonatos regionais em todo o país, além da criação exclusiva de uma série com 4 mil unidades em referência ao festival de música Lollapalooza, que tem edições nos Estados Unidos, Chile, Argentina e Brasil. A estratégia de vincular o ônix ao espetáculo teve o intuito de aproximar a marca do público entre 25 e 35 anos. 

Design arrojado, interior imponente para um carro popular grande procura na revenda também impulsionaram o mercado do ônix em Mato Grosso do Sul, onde segundo a Perkal (autorizada em Campo Grande) é um dos líderes de venda, tanto na versão zero quilômetro como na revenda de usados. Concorrente direto do Gol, mais vendido no Brasil novamente no ano passado, com apenas 30 mil exemplares a mais comercializados no período, e do Hyunday HB20, figurado em 7º no Ranking, com 75.664 vendidos, o ônix aposta no atendimento como diferencial, segundo o gerente da concessionária Chevrolet, César Garcia Ávila.

“É muito raro alguém reclamar da qualidade do ônix, pois é um carro que a marca tem como especial, até pelo apelo de propaganda e a qualidade que ele oferece em todas as suas versões. Acredito que o principal concorrente seja até o HB-20, o qual levamos vantagens pelo número de concessionárias, facilidade de reposição de peças e pelo atendimento nas concessionárias. Não tenho notícia de cliente insatisfeito com o ônix”, diz o executivo, acompanhado durante a visita da reportagem pelo consultor de vendas Jurandir Espíndola.

De acordo com o vendedor, que também não estava a par de reclamações do ônix, seria comum em situações de queixa pela Internet ser um consumidor que tentou agendar uma revisão, e pelo fato de não ter conseguido de forma imediata o serviço na autorizada, parte para a reclamação pública.

“Lamentável porque expõe a marca e o próprio bem dele. Se o carro fica com uma fama ruim depois o próprio consumidor é prejudicado na revenda. O ônix é muito procurado, até na revenda de usados por ser um carro que oferece conforto e não apresenta problemas. Já passou por recall, como em todas as marcas de carro existe. O diferencial da Chevrolet não é só o seu produto mas a capacidade de atender quando existe o problema e sanar a questão por termos diversas concessionárias, enquanto concorrentes nosso não dispõe disso”, relata Jurandir. 

Jornal Midiamax