Publieditorial

Casa da Linguiça inova com carnes e linguiças artesanais, com sabor e qualidade

Saiba mais sobre as lojas

Daiane Libero Publicado em 12/12/2016, às 12h03

None
_mg_3083.jpg

Saiba mais sobre as lojas

O sabor da linguiça feita em casa, selecionada e totalmente artesanal, foi o que moveu os empresários Ranieri Emerson Rosa Machado e Dalana Machado, a abrirem a Casa da Linguiça, um espaço voltado para qualidade, sabor e inovação em Campo Grande, com duas unidades: uma loja na Rua Albert Sabin e outra na Rua Sebastião Lima. Tudo começou com a carne de sol feita em casa. "Eu comecei fazendo carne de sol e vendendo para os amigos, depois comecei a fazer as linguiças, começamos a vender para os amigos e então na rua, há cerca de dois anos", explica Ranieri. O passo seguinte foi abrir a primeira loja, em 2014. 

O entendimento de que a carne deve ter um sabor diferenciado, original e uma qualidade ímpar, fizeram com que o casal decidisse abrir o primeiro ponto, na Albert Sabin. De lá para cá, a linguiça pantaneira, feita com carne picada com toicinho e especiarias, se consolidou nas vendas e agrega um sabor extremamente apreciado pelos clientes.

Hoje, pensando em inovar, duas carnes temperadas vendidas são muito apreciadas: o cupim mexicano, que leva pimenta calabresa e mostarda em sua receita, e o cupim no conhaque, outra invenção saborosa e que chama cada vez mais atenção. Além de vender as peças, a Casa da Linguiça também vende os temperos, caso a pessoa queira fazer em casa com outra carne. "É nosso tempero que faz a diferença, o tempero da casa", acrescenta Dalana. 

Segundo a proprietária, mesmo o negócio tendo crescido e se expandido, além de estar constantemente se atualizando com reformas e investimentos em treinamento da equipe e também em novas máquinas e técnicas, o modo de criar essas carnes especiais e de fazer a linguiça permanece totalmente artesanal, como no começo. "Usamos os mesmos ingredientes, os mesmos processos, sempre mantendo o sabor e a qualidade, mas continua bem artesanal", explica a empresária. 

Novidades para o público

Uma grande novidade que a Casa da Linguiça traz são os chamados "auto serviços", lançando uma opção que vai facilitar em muito a vida dos clientes. São pratos prontos, temperados e à espera do cliente, que levam a assinatura da Casa da Linguiça e prometem ajudar quem precisa de uma refeição fresquinha e saborosa. "Isso reduz o problema de filas, pois você tem um produto fresco embalado à vácuo, e não precisa entrar numa fila para comprar um pedacinho de carne, por exemplo. Todos os produtos são feitos todos os dias, sem conservantes, para inovar mesmo", diz o casal. 

Ainda na linha de não utilizar conservantes ou produtos que fujam ao natural, a Casa da Linguiça possui uma linha de produtos "FIT", para a pessoa que se cuida, com produtos com baixo teor de gordura. Toda semana, as lojas trazem novidades, além de produtos diferenciados como a linguiça de cordeiro, outro campeão de vendas. 

Além disso, a Casa da Linguiça também atende os setores do comércio com produtos em atacado, como por exemplo restaurantes, hotéis e lanchonetes. O atendimento no atacado é feito de forma personalizada, bastando o comerciante entrar em contato. Outra questão é que, quem quiser facilidade para preparar as ceias de Natal e Ano Novo, pode encomendar as carnes prontas para assar da Casa da Linguiça, tendo diversas opções entre carnes bovinas, suínas, carnes de aves e cordeiro. Basta entrar em contato. 

SERVIÇO – A Casa da Linguiça tem duas unidades: Loja 1 na Rua Albert Sabin, 1965, e Loja 2 Rua Sebastião Lima, 363. Para informações basta entrar em contato pelo telefone: (67) 3222-5242. Esse também é o contato para quem quiser fazer pedidos no atacado. Outras informações pelo contato: (67) 9191-8561 e 3043-5343. O horário de funcionamento é das 7h30 às 19h30. 

Jornal Midiamax