Política / Transparência

Dois meses depois, Naviraí vê União empenhar recursos para socorrer vítimas de temporal

Defesa Civil Nacional empenhou mais de R$ 730 mil para auxiliar famílias vítimas de temporal que tiveram as casas danificadas

Humberto Marques Publicado em 30/07/2021, às 17h35

Casa teve telhado danificado durante temporal com granizo em 29 de maio; prefeitura comprará telhas
Casa teve telhado danificado durante temporal com granizo em 29 de maio; prefeitura comprará telhas - PMN/Divulgação

A Prefeitura de Naviraí –a 364 km de Campo Grande– anunciou nesta sexta-feira (30) o empenho de R$ 734.924,64 da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil para o socorro às vítimas de temporal que, na noite de 29 de maio, deixou vários prejuízos no município. A portaria garantindo os valores foi assinada em 28 de julho por Alexandre Lucas Alves, titular da Secretaria Nacional de Defesa Civil.

A portaria confirmando a transferência obrigatória foi publicada quinta (29) no Diário Oficial da União, sendo vinculada às ações da Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil, especificamente no socorro de vítimas do temporal do fim de maio.

A Prefeitura de Naviraí determinou, logo depois do temporal, ações emergenciais de socorro às vítimas, envolvendo a Defesa Civil e Gerências Municipais, incluindo levantamentos gerais e visitas in loco às famílias afetadas para documentação dos estragos e elaboração de decreto de situação de emergência –reconhecido por Estado e União.

Cerca de 350 famílias foram cadastradas pela Gerência Municipal de Assistência Social, sendo habilitadas a receberam telhas e lonas por se tratarem de pessoas em situação de vulnerabilidade social.

“Em breve, estaremos entregando as telhas para as famílias que tiveram os telhados de suas casas danificados e o cadastro aprovado pela Gerência Social”, garantiu a prefeita Rhaiza Matos (PSDB).

Jornal Midiamax